A quadrilha atuava em Pires do Rio, Ipameri e Catalão

05 de Fev / 2019
A Polícia Civil de Goiás, através da equipe da Delegacia de Polícia de Ipameri/9a DRP, coordenada pelo Delegado de Polícia Diogo Ferreira, com apoio da 9a DRP e políciais civis das cidades de Catalão (Genarc, Deam e 1a e 2a DDP's) e das DP's de Pires do Rio, Vianópolis, Goiandira, Cumari, Orizona, Santa Cruz, Ouvidor, Três Ranchos, São Miguel do P. Quatro e Cristianópolis, deflagrou na data de hoje (05.02.19) a OPERAÇÃO METÁSTASE, a qual é resultante de investigação realizada pela Delegacia de Polícia de Ipameri acerca da prática de crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas, principalmente Cocaína e Maconha, com apreensões feitas anteriormente, cuja atuação da associação criminosa atuava nas cidades de Ipameri, Catalão e Pires do Rio.
A operação foi composta do cumprimento simultâneo de 07 (sete) Mandados de Busca e Apreensão Domiciliar e 07 (onze) Mandados de Prisão Preventiva, todos expedidos pelo Poder Judiciário após representação feita pela Polícia Civil.



Foram presos preventivamente os investigados:

Ipameri: 

Adilson Prudente Vaz, 21 anos, 

Sauany de Aguiar Souza, 20 anos, 

Erith Cardoso Silva, 25 anos;

Vanessa Cândido Sobrinho, 20 anos.

Catalão: 

Rayane Cunha de Souza, 26 anos;

Pires do Rio:

Thiago Rosa Gonçalves, 26 anos; 

Rodrigo Teles R. Gonçalves, 27 anos. este, preso em Pires do Rio (recentemente transferido), e que, segundo a investigação, é um dos líderes da associação.
As medidas cautelares foram executadas por 36 Policiais Civis, com o apoio logístico da 9ª Delegacia Regional de Polícia de Catalão.

Os presos, após interrogatório e demais formalidades, foram encaminhados ao Presídio, à disposição da Justiça.

O inquérito policial que documenta a investigação será em breve concluído e remetido ao Poder Judiciário para que os investigados respondam pelos crimes comprovadamente existentes.









Create Account



Log In Your Account